Gestão Fruet perdeu convênios, prazos e recursos, afirma Serginho do Posto


O presidente da Câmara de Curitiba, Serginho do Posto (PSDB), disse que na gestão anterior (do ex-prefeito Gustavo Fruet) o município perdeu recursos para investimentos e prazos ao atrasar a emissão de documentos ao Tribunal de Contas do Estado (TCE).

“Por questões administrativas, durante a gestão Fruet, o Município deixou de gastar apenas R$ 400 mil, num convênio com o Governo do Paraná, para obras viárias em trecho da marginal da BR-277, para assumir completamente a obra”, disse.

"Ia ter R$ 2 milhões a fundo perdido, mas passou mais de mil dias sem a certidão do TCE. Pelo atraso de quatro anos (na execução da obra), o valor aumentou de R$ 2,4 mi para R$ 3,6 milhões. O que a gente fala quando uma gestão se equivoca tanto?", indagou Serginho do Posto.

Comentários

Mensagens populares